Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

se hace camino al andar

se hace camino al andar

tu #3

«... O amor não é um patamar que se atinge, mas sim um terreno que precisa de ser nutrido e conquistado, muito além do tempo ou das experiências já vividas. 

... como é que começou a relação? Não foi com uma sucessão de encontros, de partilhas e de momentos que se foram tornando especiais ao longo do tempo? Então se nasceu assim, morrerá no momento em que isso terminar. »

RAVR9480[1].JPG

in Já não se fala de amor

 

«... Pessoas e relações, quando amamos verdadeiramente as primeiras e queremos mesmo que as segundas continuem vivas, precisamos de romance! De forma mais ou menos desajeitada ou ridícula, não é isso que importa. O mais importante é ter a consciência de que precisa conquistar quem ama todos os dias. Sem desculpas!»

in Não mate o romance

IMG_7595[1].JPG

apenas porque sim 

 

 

 

 

 

publicado às 14:53

adoro surpresas

e tanto adoro recebe-las como prepará-las.

costumo dizer que, para mim, metade do gozo está na preparação. pensar no que ele gosta, no que o vai fazer feliz, procurar, preparar; antecipar o prazer que vou proporcionar. tempo dedicado a alguém é amor que se entrega.

viajar é um dos meus maiores prazeres nesta vida. o H e eu eramos bons companheiros de viagens. Londres, diria eu, foi a nossa cidade. porque ambos queríamos muito conhecer e nunca tínhamos ido, porque o conseguímos juntos e porque fomos várias vezes, inclusive com D.

tirando Madrid, sentíamo-nos em casa por lá. dizíamos que 3 días todos os anos não nos cansaría nunca.

é parte da nossa história, do meu passado. adiante. lembrei-me por causa de ler o relato da Sónia não só sobre o fim-de-semana mas muito principalmente da preparação das surpresas, do desejo de agradar e do amor envolvido. ciúmes 

IMG_0658.jpg

 

publicado às 10:03

elucubrações

amor by Sofia 

P1120746.JPG

 

levo muito a sério o amor. cuido dele com colo e com mimo, com ternura e com as doses certas de açúcar, sabendo que nunca o devemos dar por garantido. 
nos dias em que uma parte do mundo se levanta só para tentar provar que o amor é uma coisa de cansar, eu respondo com a forma como a vida me acontece e sublinho o que nunca me farão duvidar: ninguém se cansa do amor, ninguém se cansa de amar. cansamo-nos quando não há amor. cansamo-nos quando não nos sabem amar.
*

 

| para ti, que estás a recomeçar, só isto:

quando o assunto for o Amor, por favor: nunca-deixes-de-acreditar. |

________ x_______ x ________________

cansamo-nos porque já não sentimos amor. e como se foi esgotando esse amor? incapacidade ou insconciência?

não soube amar ... talvez ... qui ça ... dizem também que há amores que estão destinados a apenas nos acompanhar parte do caminho ...

tudo elucubrações nossas para aceitar a realidade e não vergar

 

publicado às 13:17

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub